Imprimir
Categoria: Direito, Lei e Fato (I)
Acessos: 2866
Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Felipe de Oliveira Iasi não será preso?!!

Ele era o motorista que conduziu Cadu, Carlos Eduardo Sundfeld Nunes, e esteve junto durante toda a execução da morte do cartunista Glauco e seu filho Raoni. E deveria ser levado a Júri popular, mais isto não aconteceu...,

No Brasil as coisas ficaram assim:

Em: http://www.gazetadigital.com.br/conteudo/show/secao/4/materia/267923 cita:

João Varella / [[R7]] / A família de Felipe Iasi, que chegou a ser indiciado por participação no assassinato do cartunista Glauco Vilas Boas e de seu filho Raoni, em março de 2010, estuda processar a Polícia Civil. A informação foi passada ao R7 pelo advogado de Iasi, Cássio Paoletti. Segundo o defensor, seu cliente estava "na hora errada com a pessoa errada". Após o crime, a polícia descobriu que Iasi dirigia o carro que levou Eduardo Sundfeld Nunes, o Cadu, até o sítio do cartunista, em Osasco.

Para o advogado de Iasi, a prova de que a polícia errou ao indiciar seu cliente é que o Ministério Público do Paraná não o denunciou à Justiça. "A família está estudando a possibilidade de responsabilizar os delegados, que deram entrevistas de forma prematura".

Apesar da afirmação no plural, Paoletti menciona apenas um delegado: Marcos Carneiro, que atualmente é delegado-geral da Polícia Civil e, na época do crime, exercia a função de diretor do Demacro (Departamento de Polícia Judiciária da Macro São Paulo).

"O doutor Carneiro abusou de seu poder de autoridade policial, deu entrevistas de forma prematura e ousada. Agora ele poderá responder civilmente aos sérios transtornos que causou ao jovem", disse.

Veja o video a baixo, e acredite se quiser,!!!


Esta ná cara que ele é uma vítima, assim como o Papai Noel existe, e como o coelhinho da Pascoa não!
"fui para casa, e fiquei quieto até dormir!!... acordei as 10h e vi na internet o que tinha acontecido e liguei pra mamãe" 

opniao do leitor