Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

(Sinônimos: mortos-vivos, comedores de cérebro, sanguessugas)

zumbi





A expressão Zumbi, bem do mito de um indivíduo que vaga a esmo, por estar enlouquecido. Antigamente era usado para referenciar ressuscitados que voltavam a se mover porém não recobravam a consciência racional de um ser humano. Ele surgiu na literatura, e inicialmente era desprovido de raciocínio, por isto era comumente usado como escravos de outras criaturas que os usavam como soldado em um tipo de exercito do horror. Porém muita coisa mudou.


Nas Sagradas Escrituras (Bíblia)
  mortos O medo dos mortos-vivos vem para o homem cristão principalmente do advento do “Dia dos Mortos-Vivos”, que será o dia onde os mortos levantaram de suas sepulturas, dos mares e de todo lugar que posem para serem julgados por seus pecados.
   O que durante muitos séculos foi tido como a véspera do juízo, e o advento do Reino de Deus, foi interpretado pelo cinema como sendo o zombie apocalypse or Amargedom (Amargedom Zumbi).

Um trecho de Apocalipse 9,6 é mesmo assustador:

"Naqueles dias, os homens procurarão a morte, mas não a encontrarão; desejaram morrer, mas a morte fugirá deles”. Ap 9,6

    Mas isto não é apenas do Novo Testamento, a presença bíblica dos vivo-mortos é tão antiga quando a própria humanidade, em Exequiel 37, 5-10 existe um trecho curioso.

   Assim diz o SENHOR Deus a estes ossos: Eis que farei entrar o espírito em vós, e vivereis.
   Porei tendões sobre vós, farei crescer carne sobre vós, sobre vós estenderei pele e porei em vós o espírito, e vivereis. E sabereis que eu sou o SENHOR.
   Então, profetizei segundo me fora ordenado; enquanto eu profetizava, houve um ruído, um barulho de ossos que batiam contra ossos e se ajuntavam, cada osso ao seu osso.
   Olhei, e eis que havia tendões sobre eles, e cresceram as carnes, e se estendeu a pele sobre eles; mas não havia neles o espírito.
   Então, ele me disse: Profetiza ao espírito, profetiza, ó filho do homem, e dize-lhe: Assim diz o SENHOR Deus: Vem dos quatro ventos, ó espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam.
   Profetizei como ele me ordenara, e o espírito entrou neles, e viveram e se puseram em pé, um exército sobremodo numeroso.


   frankA literatura teve o morto-vivo mais charmoso e conhecido na obra de Frankenstein, sobre o título original Frankenstein: or the Modern Prometheus, da escritora britânica Mary Shelley. Não só o mais charmoso dos Zumbis, Frankenstein sofreu além dos sintomas de ter um corpo apodrecido do terror de ter um cérebro humano, sua história imortalizou a dor da crise existencial ao mostrar um morto procurando saber quem é seu criador, quem seria seu Deus. Ele alcançou um avanço intelectual muitas vezes não alcançado ao homem médio.



O primeiro filme com Zumbi.

O primeiro filme com Zumbi foi o clássico White Zombie ("Zumbi Branco"), de 1932. Dirigido por Victor Halperin, ele era estrelado pelo mestre do terror Bela Lugosi, que fazia o papel do maléfico Legendre, que, no Haiti, transformava pessoas saudáveis em trabalhadores zumbis com a ajuda de uma poção misteriosa.

OUTROS FILMES IMPORTANTES,

Noite dos Mortos-Vivos (Night of the Living Dead)

Ano: 1968
Direção: George Romero
Neste clássico sobre "mortos-vivos modernos", um grupo de pessoas enfrenta zumbis comedores de cérebro. O filme teve as seqüências Zombie, Despertar dos Mortos (1978) e Dia dos Mortos (1986), e as refilmagens A Noite dos Mortos-Vivos (1990) e Madrugada dos Mortos (2004)


O Retorno dos Mortos-Vivos (El Ataque de los Muertos sin Ojos)

Ano: 1973
Direção: Amando de Ossorio
Na cultuada série de filmes de zumbis do diretor espanhol Ossorio, templários - cavaleiros de uma ordem religiosa criada no século 12 - que praticavam magia negra são excomungados, mortos e têm os olhos arrancados. Quando voltam das trevas, sem olhos, estão furiosos!


Zumbi 2: A Volta dos Mortos (Zombie)

Ano: 1979
Direção: Lucio Fulci
Ex-aluno de medicina, o italiano Lucio Fulci se especializou em criar seqüências sangrentas. Aqui, zumbis atacam numa ilha tropical e o sangue jorra das jugulares e olhos são arrancados! Fulci foi excomungado pelo Vaticano por causa de uma outra produção em que o protagonista é um padre assassino...


A Hora dos Mortos-Vivos (Re-Animator)

Ano: 1985
Direção: Stuart Gordon
Um cientista maluco cria um soro capaz de reanimar tecidos mortos e começa a experimentar a substância. Um casal de estudantes se envolve na trama macabra. O diretor Brian Yuzna dirigiu as seqüências A Noiva do Re-Animator (1990) e Beyond Re-Animator (2003)


Demons - Filhos das Trevas (Demons)

Ano: 1985
Direção: Lamberto Bava
Numa velha sala de cinema, os convidados que assistem à exibição de um filme de terror são atacados e transformados em zumbis sedentos de sangue e carne humana. E é exatamente isso que ocorre também no filme que está sendo projetado... O diretor Lamberto é filho do mestre do horror italiano Mario Bava


A Volta dos Mortos-Vivos (The Return of the Living Dead)

Ano: 1986
Direção: Dan O’Bannon
O vazamento de um produto misterioso faz os mortos se levantarem das sepulturas. Funcionários de um necrotério e delinqüentes juvenis assistem ao bizarro espetáculo. O filme teve duas seqüências: A Volta dos Mortos-Vivos 2 (1988) e A Volta dos Mortos-Vivos 3 (1993)


Fome Animal (Braindead)

Ano: 1992
Direção: Peter Jackson
Antes de O Senhor dos Anéis, o diretor Peter Jackson já fazia filmes bacanas. Este clássico sanguinolento e bem-humorado tem até um padre estilo kung fu... A mãe controladora de Lionel, um jovem tímido, vira uma zumbi quando é mordida por um macaco-rato (?!). A rabugenta infecta um monte de gente, que Lionel precisa combater

Extermínio (28 Days LATER)

Ano: 2002
Direção: Danny Boyle
Danny Boyle estourou com Trainspotting: Sem Limites (1996) e se afundou com A Praia (2000). Mas o diretor retornou do mundo dos mortos com esse filme gravado em vídeo digital. Um vírus ultracontagioso transforma a maioria da população de Londres em zumbis enfurecidos. Restam poucas pessoas que lutam para sobreviver

Se desejarem continuarei escrevendo sobre os diversos tipos de Zumbis, tanto no cinema, na literatura, e Claro!!.. nos Games!

Abraço,
 

Deixe seu comentário

Todos os campos * são obrigatórios