Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 


O mal do mundo aconteceu pois Eva se enfeitiçou pela cobra de Adão; e Adão não aguentando deu uma bela mordida na fruta de Eva....., Amém! 
 

Todos dizem gostar da liberdade, mas a ataca. Vejamos exemplos comuns, como o processo em que a Xuxa Meneghel quer impedir que buscas com a palavra "Xuxa" e "pedofilia" tenham resultados.

As pesquisas sobre isto apontam para um filme de 1982, onde Xuxa com então 16 anos (adolescente) fez 'papel' de uma ninfeta de bordel, e que numa cena,  INTERPRETA,  a prática de sexo com um moleque de 13 anos (também adolescente). Mas culturalmente falando, não se trata de uma cena de pedofilia. Esta visão sobre pedofilia que existe hoje não era presente no momento do filme, o que existe ali é um jovem garoto que cresceu num puteiro sendo seduzido por uma puta jovem que ali trabalhava. O mesmo aconteceu no
romance de José Lins do Rego, há 50 anos antes da gravação deste filme quando escreveu o Menino de engenho, em que o rapaz foi "iniciado" pela empregada. E também em outros premiados documentários como 'O menino e a bagaceira'.

O que se esperar da história de um rapaz que cresceu num puteiro? Que ele crescesse imaculado. Povo hipócrita!

A coisa é séria, só por ter colocado palavras como "puta" neste artigo, provavelmente ele não receberá banner rentáveis, uma vez que desprestigiou o artigo.A justiça daqui está parecendo a da China. O que querem censurar desta vez?

Foi muito legal que a Xuxa tenha comprado os direitos do vídeo, isto demonstra que ela tem o desejo de mudar sua imagem. Eu apoio, mas acho que o problema é outro.

O que me incomoda realmente é a imagem dela ligada ao Extremo do Consumismo. Xuxa é usado para comprar de xuxinhas para o cabelo a anéis para o dedo do pé.

Isto Xuxa deveria realmente se preocupar.

As crianças como o mundo estão adoecendo com o consumismo.

Já o sexo?..., Ele continuará a ser a desculpa do mundo. Desde Adão e Eva a desculpa foi a mesma.

E as imagens??

Para responder isto anexei uma curiosa reportagem da SuperInteressante, leiam,

Censura: o Google não quer que você veja isto aqui: Quartéis, fronteiras, zonas de guerra; conheça os locais censurados pelo site / texto abaixo original escrito por Bruno Garattoni (Link fonte: Superinteressante)
 

EM TODOS OS LOCAIS A BAIXO CLIQUE NO TÍTULO PARA VER O LUGAR

Com o Google Maps, você pode ver o mundo inteiro de cima. Ou melhor: quase. Pouca gente sabe, mas o serviço de mapas é fortemente censurado – dezenas de lugares, de bases militares a instalações governamentais, têm suas imagens bloqueadas. Pode parecer teoria da conspiração, mas não é: a empresa admite que há censura. Mas diz que não tem culpa. “O Google não distorce as imagens. Nós usamos as fotos que recebemos dos nossos fornecedores. E algumas delas vêm, sim, alteradas”, disse um porta-voz do Google ao jornal San Francisco Chronicle. As responsáveis pela censura seriam as empresas que operam os satélites fotográficos e vendem suas imagens ao Google. Elas assumem a responsabilidade. “Nós restringimos imagens que possam colocar os EUA em risco”, diz Chuck Herring, da empresa DigitalGlobe. E a censura não pára aí; as fotos de vários outros países também são manipuladas (veja exemplos nesta página).

1. - Observatório Naval - base militar onde mora o vice-presidente dos EUA 

Aqui, em Washington, mora o vice-presidente americano, Dick Cheney. A parte direita da imagem foi borrada para esconder os detalhes da residência.

2. - Usina nuclear Indian point - em Nova York  
 

Indian point (EUA) Alguns detalhes desta foto aérea mostram pontos frágeis da usina, que fica perto de Nova York. Eles foram cobertos com tinta branca.

3. Base aérea da OTAN na Alemanha 

Aqui ficam radares e aviões de espionagem usados pelos EUA e seus aliados na Europa. Não que dê para ver: foi tudo distorcido com um golpe de Photoshop.

4. Egvekinot (Rússia) Possível silo de mísseis nucleares na Rússia 

Acredita-se que seja uma base de lançamento de mísseis nucleares. Talvez o segredo nem seja esse, mas o borrão deixa claro: é algo que os russos querem esconder a todo custo.

5. Israel - Eilat

Bem na fronteira tríplice com a Jordânia e o Egito, as imagens ficam estranhamente desfocadas. A explicação oficial é que houve um problema técnico na captação da foto aérea.`

6. Iraque: base militar inglesa em Basra 

A imagem foi alterada pelo Google Maps, que apagou um alojamento do Exército inglês (casinhas beges) e colocou uma inocente pista de pouso no lugar. {jcomments on}

Deixe seu comentário

Todos os campos * são obrigatórios